terça-feira, 8 de novembro de 2011

Saudade de hoje, de amanhã e de sempre

Voltei com o teu cheiro em minha roupa, sim, aquele que eu tanto gostava de sentir ao te encontrar. Ele ficara em mim logo no último dia em que nos encontramos. Ficou junto com outras muitas lembranças que também ficarão de teimosas, felizes, sorridentes, inteligentes e inovadoras que são. Cheias de conhecimento, de sabedoria, de um novo mundo do qual eu pensava em pertencer.
Teu cheiro ficou em mim, assim como tu também ficará marcado entre meus sentimentos, entre minhas lembranças, portanto, na meu coração e mente. Ficarás, há de ficar. Não fugirás nunca, mesmo que se vás, e irás, algum dia.
O mundo precisa de pessoas como tu, e se precisa!

Um comentário:

Natália Campos disse...

Saudade nem sempre é bom e neste caso foi bom demais, pois permitiu que pudesse escrever um texto lindo como este, querida. Adorei o novo layout. Bjs!