quarta-feira, 7 de abril de 2010

Não se trata de um jogo...


Tantas lutas para encarar. Tanto caminho para seguir em meu destino. Tantas lágrimas para derramar. Tanto o que perder. Tanto o que sorrir. Tanto o que ganhar e o que ouvir. Tanto o que falar. Tanto o que errar.
Não há como esconder o que faz parte de nós. Não há como nos enganar por muito tempo e nisso, um dia você acorda para vida e enxerga aquilo que sempre esteve diante de seus olhos mesmo que você antes nunca tenha visto.
Todos nós erramos. Somos humanos. Não cruxifique alguém por um erro. Talvez haja perdão, talvez não. Mas sempre pense no outro lado na moeda, o lado da moeda que não te pertence.
Ás vezes nos encontramos com um melhor dos caminhos a nossa frente e simplesmente damos as costas para ele, não aproveitamos as oportunidades que deveriam ser aproveiadas e quando isso acontece, não adianta querer voltar no tempo, como a maioria deseja depois de ver o que passou. Depois de ver o que você deixou de fazer por pura falta de atenção.
A tristeza sempre aparece em um momento, aparece por inúmeros motivos. E não somente acompanhada em lágrimas. Lágrimas também acompanham a alegria, os sentimentos que te fazem bem. Alguns esquecem disso, não lembram de tudo. Normal.
O jogo mais difícil do mundo? Viver. Ganhar ou  perder? Depende de você. Somente de você. E ás vezes isso é assustador. Medonho. Ás vezes duvido de minha capacidade. Será eu tão responsável quanto pareço? Me acho uma fraude. Grande fraude. E pergunto-me, "Afinal, meu Deus, o que queres de mim?" A que propósito vim ao mundo? Tenho tanta curiosidade para saber o verdadeiro motivo de minha existência. Deve haver um motivo, não vivo a toa. Ou será que vivo? Tenho medo de pensar nisso.
Queria tanto ser como aqueles que falam o que pensam e não guardam certas respostas para si mesmos. Faço isso por medo de magoar, de machucar alguém. Mas preciso me impor com frequência. Preciso.
A vida não consiste apenas em perdas ou ganhas.

Um comentário:

Patty disse...

que isso Laaaary do céu! Me faz um favor? Para de descrever meus pensamentos, de tirar as palavras da minha boca? Juro, juro, JURO que eu não sabia que você escrevia tão bem assim, nossa e depois vem me dizer que não tem 'dom' pra essas coisas, aaaaah até parece! Tá parecendo as falas da Swan nos livros, e isso é um elogio! Parabéns, de verdade, parabéns, você é ... perfeita <3 eu te amo